Eu sugiro comer em restaurante indiano por dois motivos: primeiro que a comida indiana é deliciosa, eu particularmente amo o tempero indiano, e segundo porque quem é vegano(a) tem muitas opções de pratos veganos.

Quem é vegano(a) aqui no Japão, sabe muito bem o sufoco que é comer fora de casa, e infelizmente em certas cidades não temos muitas opções (ou quase nada) de restaurantes veganos, daí o jeito é “apelar” para um restaurante que não seja vegano mas que tem opções veganas.

Restaurantes indianos são ótimas opções, e não é aquele negócio de ter uma ou duas opções para veganos(as) não viu gente, tem bastante opção até, eu quando vou em um sempre saiu muito satisfeita e feliz. 🙂

Tirei uma foto de um prato que pedi para dar um exemplo à vocês, olhem sem babar, hehehe

Esse karee (curry) é de vegetais, tem brócolis, cenoura, couve flor, vagem, e batata e você ainda tem a opção de escolher o nível de pimenta que quer no seu karee, eu sempre peço o hot porque eu sou louca por pimenta, adoro sofrer comendo uma comida apimentada, haha.. e para acompanhar sempre peço arroz, que a propósito é uma delícia.

Esse prato aí de cima foi quando fui passear em Hiroshima, o karee não era vegano, mas eu pedi para tirar o creme e ele se tornou vegano. O arroz só tinha legumes mesmo, tudo muito gostoso.

MAS, para o karee ser vegano você precisa pedir para o cozinheiro NÃO colocar o creme de leite nele, pois alguns karees vão, então eu sempre peço assim:

クリムなしおねがいします。(kurimu nashi onegaishimasu) ou, 白いクリムなしおねがいします。 (shiroi kurimu nashi onegaishimasu), que significa “sem creme por favor, e “sem o creme branco por favor”. Na verdade não é a forma 100% correta de se falar, mas a maioria dos restaurantes indianos que eu fui e vou eles não falam tão bem o japonês, daí para eles poderem compreender eu sempre peço dessa maneira, e sempre mandaram sem o creme de leite no meu karee. 😉

Outra coisa, sabem aquele pão enorme que acompanha o prato, que se chama ‘nan’? Então, infelizmente esse pão não é vegano pois ele vai ovo na massa, por isso eu peço arroz toda vez que como em algum indiano, mas caso você tenha amizade com o cozinheiro, assim como eu tenho em um que eu frequento quase toda semana, peça para ele fazer sem ovo, ele não ficará fofinho como os que acompanham os pratos, mas ficará crocante e fica gostoso também. 😀

Tirei foto do menu para vocês darem uma olhada nas opções, mas esse menu é de um restaurante que eu frequento sempre em Nagoya (Tenjuku Cafe), fica na rua ao lado do Consulado do Brasil de Nagoya, e na minha humilde opinião é o melhor karee ever, sem comentários, só comendo para entender o meu amor pelo karee de lá, rsrs

Têm bastante opção de karee, né pessoal? Mas precisamos ficar atentos em dois detalhes, os karees são vegetarianos, logo pode conter algum ingrediente de origem animal, e são esses dois: チーズ (queijo) e バター (manteiga), Por isso é sempre bom ler direitinho o que está escrito, geralmente estão escritos da forma que eu escrevi, pois não há outra forma de se escrever queijo e manteiga também, mas para não haver dúvidas eu sugiro perguntar ao atendente. Para quem não fala japonês, abaixo está as frases em como perguntar no idioma:

このカレーはチーズ入ってますか。(kono karee wa chiizu haiitemasuka?) = Esse karee tem queijo?

このカレーはバター入ってますか。 (kono karee wa bataa haiitemasuka?) = Esse karee tem manteiga?

Fora os karees tem outras opções de pratos indianos que são veganos, como por exemplo, a samosa e o pakora, a samosa pode ser feito com vegetais e especiarias, e o pakora de cebola, mas a minha outra dica é SEMPRE perguntar se vai algum tipo de carne, leite e ovo, pois cada cozinheiro tem a sua receita, e sempre quando vou em algum indiano novo eu pergunto se vai alguma coisa de origem animal. Você pode perguntar assim:

(nome do prato)は肉入ってますか。(“nome do prato” wa niku haittemasuka?) = tem carne “nesse prato”?

E caso queira saber se tem outro ingrediente de origem animal é só trocar o “肉” (niku = carne) por outra palavra em japonês, como por exemplo: チキン/鶏肉 (chikin / toriniku = frango), ポーク/豚肉 (pooku / butaniku = porco ), フィッシュ/魚 (fiishu / sacana = peixe), ミルク/牛乳 (miruku / gyuunyuu = leite), 卵 (tamago = ovo).

Bom pessoal, essa foi a dica de hoje para quem é vegan e mora ou está de passagem pelo Japão, espero que tenha ajudado bastante, pois sei exatamente o que é procurar um lugar para comer e não achar, ou ficar com receio de entrar e não ter nada, ou pior, não dominar o idioma e não conseguir perguntar. Mas agora vocês já sabem, para nós que somos vegans, restaurante indiano sempre é uma ótima opção, só não esqueçam de pedir o karee sem creme por exemplo, e verificar se X ingrediente de origem animal não vai no seu karee também. 

Qualquer dúvida, por favor, deixe nos comentários que irei responder tod@s vocês!

Translate »